Acesso restrito

IA, Chatbots e Cloud, a junção que promete revolucionar a TI

08:36 28 agosto in Artigos
0 Comments

A convergência entre inteligência artificial (IA) e computação em nuvem assume hoje grande relevância no mundo da tecnologia da informação (TI). Essa união, aliás, traz frutos muito positivos para os profissionais desse setor, na medida em que favorece os negócios, como nas grandes corporações do mercado. Nosso objetivo central aqui é ressaltar as relações que existem entre IA e computação em nuvem, duas tecnologias cujo uso se torna cada dia maior nos ambientes de TI – embora, por enquanto, sem grande integração, ou seja, ainda bem separadas uma da outra.

O mundo da IA já se tornou uma realidade cotidiana em nossa vida, embora o cidadão comum ainda não tenha a correta percepção desse fato. No entanto, à medida que o tempo passa, a IA tende a tornar-se algo rotineiro para todos os usuários de TI. O grande salto ocorre, creiam, com união de IA e TI, de forma especial quando se buscam novos padrões de eficiência e produtividade. A combinação de ambas pode, sem dúvida, deflagrar verdadeira revolução nas corporações de TI. Mais ainda: pode criar uma nuvem inteligente (smart cloud), que associa esse processo ao aprendizado de máquina (machine learning).

Benefícios dessa associação

Podemos destacar pelo menos três benefícios que a computação em nuvem traz para IA. São eles: rapidez, integração de equipes e segurança da informação. Assim, as soluções são desenvolvidas com maior agilidade em um contexto no qual também se une a computação em nuvem à IA, sem perder eficiência nos processos e garantindo uma menor taxa de erros. A computação em nuvem possibilita, igualmente, que as equipes se integrem ainda mais, de modo a garantir maior acesso às informações entre os setores. Como a experiência tem demonstrado, a computação em nuvem permite maior segurança dos dados, se comparada com os sistemas tradicionais de servidores, mais suscetíveis a desastres tecnológicos. Na nuvem, nossos dados estão armazenados remotamente.

Vantagens da IA para cloud

A IA, por sua vez, contribui para a computação em nuvem, nos seguintes casos:

a) manejo de grandes dados;

b) maior facilidade de utilização;

c) inovações que mesclam as duas tecnologias.

Um dos principais problemas atualmente é conseguir lidar com o grande volume de dados gerados todos os dias e conseguir analisá-los adequadamente.

Um aliado importante nesse caso pode ser o uso de big data e do machine learning. Mas, com a possibilidade de automação inteligente gerada pela IA, é possível tornar até mesmo o uso da nuvem mais fácil. A automação realiza algumas tarefas por meio dos algoritmos preditivos estabelecidos, deixando que outras tarefas mais específicas e analíticas sejam acompanhadas pelos analistas. Dessa forma, o próprio uso da nuvem torna-se facilitado, criando um ambiente de smart cloud para que os seus colaboradores possam trabalhar de forma eficiente e produtiva.

A mescla de ambas as tecnologias

Como explicar o funcionamento da união de IA e computação em nuvem no dia a dia? Um exemplo delas é o Google Cloud Machine Learning. Outro é o IBM Watson, uma plataforma de serviços cognitivos que utiliza redes neurais e estruturas de linguagem para suas atividades. Além do Watson, podem ser citados outros exemplos, como o Alexa, da Amazon; o Cortana, da Microsoft; e o Google Home.

Fonte: MediaLab Estadão

Central IT e Ministério da Economia

A parceria contemplou a contratação de serviços técnicos, sob demanda, para implantação de sistemas informatizados para o serviço de atendimento direto ao cliente.

Em aproximadamente 3 meses de projeto, foi estruturado um modelo de atendimento para integrar 6 grandes sistemas mapeados em mais de 2.180 serviços oferecidos pelos portfólios dos sistemas estruturantes, permitindo o repasse de informações atualizadas e precisas, de forma coerente e fácil.

Logo no início do projeto foram identificados os principais desafios, como a escolha do desenho do modelo de atendimento para atingir ao maior número de pessoas. A intenção, neste ponto, era promover acesso aos serviços com rapidez e alto índice de satisfação, através da utilização dos sistemas estruturadores, porém, sem deixar de lado a qualidade do serviço prestado e a economia para administração pública.

Exemplo prático da eficácia que a Tecnologia da Informação provocou dentro do Ministério da Economia ocorreu com a substituição do canal de atendimento Alô Segep, que fazia cerca de 9 mil atendimentos por mês, pela Central Sipec (Sistema de Pessoal Civil da Administração Pública Federal). Além de ampliar o atendimento para a mais de 11 mil aposentados, pensionistas e anistiados, as demandas passaram a ser resolvidas já no momento do contato.

A Central Sipec possuí outros canais para atendimento, como o 0800, Portal de Serviços e a Assistente Virtual Cessi, que atende aposentados e pensionistas em tempo real. Além deste, foram implantados outros Chatbots denominados Lia, Beta e Isis. Outro robô, a Lúcia, da Plataforma Digital Inova, atende a mais de 72 milhões de usuários prestando informações sobre alistamento militar, Enem, Passe Livre Estudantil, Prouni, entre outros.

Chatbots do Ministério da Economia

Entre em contato com a equipe da Central IT
e saiba mais sobre nossas soluções.

No Comments

Post A Comment